Prefeito e vice prestigiam inauguração da nova sede da Junta Comercial de Varginha


Acompanhados dos secretários municipais, o prefeito Antônio Silva e seu vice Vérdi Melo prestigiaram a solenidade de  inauguração das novas instalações da unidade da Junta Comercial do Estado de Minas Gerais em Varginha, localizada na Rua São Paulo, centro da cidade.  A solenidade contou ainda com a presença do Diretor da Jucemg, Wellington Gadelha, que em seu discurso teceu elogios a Varginha, por sua posição estratégica, equidistante a 300 quilômetros dos grandes centros – São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro e a receptividade de sue povo. “Varginha hoje está entre as sete melhores cidades de Minas para se viver, e oferece o que há de melhor na prestação de serviços. Razão pela qual o município integra as seis cidades mineiras com escritórios regionais da Jucemg, juntamente com: Governador Valadares, Juiz de Fora, Montes Claros, Uberlândia e Uberaba”, destacou.

A Junta Comercial do Estado de Minas Gerais, autarquia que completou cento e vinte anos, foi criada em cinco de julho de 1893, para executar e administrar no Estado os serviços próprios do registro público de empresas mercantis e atividades afins. Em 1978 a unidade da Junta Comercial foi aberta em Varginha. Atualmente Varginha conta com mais de 10 mil empresas ativas, com destaque para o comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios – atividade predominante na cidade. Registra por mês uma média de 32 novas empresas, com cerca de 100 negócios formalizados somente nos três primeiros meses desse ano.

A Jucemg de Varginha foi construída dentro dos padrões mais modernos de acessibilidade, de modo a propiciar aos usuários mais comodidade e conforto. Hoje ela realiza os serviços de abertura, alteração e extinção de empresas, emissão de certidões, autenticação de livros mercantis, bloqueio de CPFs, dentre outros serviços.

Para facilitar o trabalho realizado pela Jucemg em todo o estado, a parceria com as prefeituras é essencial na agilidade na formalização de novos negócios.
A Prefeitura de varginha tem papel essencial neste contexto, vinculada diretamente à consulta de viabilidade, o primeiro passo para se abrir uma empresa.

A consulta de viabilidade é feita pela Internet, onde é realizada uma pesquisa prévia dos pedidos de inscrição empresarial. Nessa etapa, a Junta Comercial verifica a possibilidade do uso do nome empresarial, a prefeitura analisa a viabilidade de exercício da atividade desejada no local escolhido e presta as informações sobre os requisitos a serem cumpridos para obtenção de licenças de autorização de funcionamento.

A Junta Comercial do Estado de Minas Gerais consolidou ações direcionadas ao empreendedor mineiro, entidades de classe, servidores, instituições de educação e à sociedade de modo geral, criando eventos de capacitação. Realiza constantemente palestras, encontros e ações educativas, onde estreita seu relacionamento com públicos estratégicos – como contadores, contabilistas, advogados, estudantes e usuários em geral, propagando informações sobre o registro empresarial e demais temas relativos às suas atividades.

A Jucemg não apenas executa e administra os serviços próprios do registro público de empresas mercantis, mas também facilita e simplifica a abertura de empresas e, sobretudo, fomenta o desenvolvimento social e econômico do estado.