Rogério Bueno solicita que Município faça adesão ao Programa Mais Médicos

O vereador Rogério Bueno apresentou uma Indicação na Câmara de Varginha solicitando que a Prefeitura se inscreva no Programa Mais Médicos, do Governo Federal. De acordo com o vereador, a cidade teria o direito de requisitar até 10 profissionais, de diferentes especialidades, para atuar na saúde pública do Município.

“É de conhecimento público que a quantidade de médicos que temos hoje, na rede de saúde pública municipal, é insuficiente para atender a demanda. Tem médico cobrindo duas unidades de PSF – Programa de Saúde da Família – e tem unidade que nem médico tem. Então, acredito que seria um auxílio muito grande se a Prefeitura de Varginha se inscrevesse no Mais Médicos”, afirma o vereador.

Rogério Bueno também cita que a vizinha cidade de Poços de Caldas aderiu ao programa e já foi beneficiada com a chegada de 10 médicos. “Esses profissionais foram encaminhados exclusivamente para atender nos PSF´s de Poços. Aqui em Varginha eu acredito que poderia ser feito o mesmo, encaminhando os médicos para os PSF´s e também para as Unidades Básicas de Saúde. Com isso, o município teria condições de prestar um melhor serviço para a população que carece tanto na área da saúde”, explica Rogério Bueno.


Mais Médicos

O Programa Mais Médicos faz parte de um pacto de melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde, que prevê mais investimentos em infraestrutura dos hospitais e unidades de saúde, além de levar mais médicos para regiões onde há escassez e ausência de profissionais.

A iniciativa prevê também a expansão do número de vagas de medicina e de residência médica, além do aprimoramento da formação médica no Brasil.

As vagas serão oferecidas prioritariamente a médicos brasileiros, interessados em atuar nas regiões onde faltam profissionais. No caso do não preenchimento de todas as vagas, o Brasil aceitará candidaturas de estrangeiros.

Para aderir ao programa, o município interessado deve preencher os pré-requisitos estabelecidos pelo Mais Médicos e celebrar termo de adesão e compromisso.