Prefeitura de Varginha concede 5,81% de reajuste aos servidores

O Projeto de autoria do Executivo concede reajuste de 5,81% sobre a revisão geral anual dos vencimentos dos servidores públicos municipais da administração direta, indireta, comissionados e aposentados e pensionistas do município, incidente sobre os seus atuais níveis de vencimento.

Também contempla a revisão do tíquete alimentação e da alteração da tabela de subsídio Saúde, que foi aumentado em 100%, representa um conjunto de benefícios aos servidores, o que vem compensar as perdas no poder aquisitivo em função da inflação.

Com a revisão o Tíquete Alimentação passa de R$ 250,00 para R$ 270,00 para aqueles servidores que tenham como vencimento básico mensal, valor não superior ao do cargo efetivo da Administração Direta, correspondente ao Nível E-13 e que tiver 100% (cem por cento) de frequência ao serviço durante o mês, e de R$ 170,00 para R$ 180,00 para os demais servidores, também sendo observada a sua frequência ao serviço, sendo que o disposto neste artigo aplica-se às Fundações e Autarquias do Município.

O Tíquete Alimentação será concedido aos servidores inativos e aos pensionistas, no valor único de R$ 210,00 para aqueles que recebam como proventos ou pensão, valor não superior ao do cargo efetivo da Administração Municipal Direta correspondente ao Nível E-13.

“Essa iniciativa representa a determinação da Administração de resgatar a valorização dos servidores municipais, oferecendo o possível financeiramente aos cofres do Município. Apesar da Folha de Pagamento do Município estar próxima do limite estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal, entendemos não ser justo sacrificar a remuneração dos servidores municipais, transferindo para eles o ônus dos problemas financeiros que não deram causa”, justificou o prefeito Antônio Silva.

Segundo ele, o percentual de 5,81% (cinco vírgula oitenta e um por cento) de reajuste, a revisão do tíquete alimentação que estamos implementando e mais a alteração da tabela de subsídio Saúde, que estamos aumentando em 100%, representa um conjunto de benefícios aos servidores, o que vem compensar as perdas no poder aquisitivo em função da inflação.