Varginha terá iluminação pública mais moderna e eficiente

Acordo assinado entre Prefeitura Municipal e Cemig 
prevê a substituição de 4.822 conjuntos de iluminação.


A Prefeitura Municipal de Varginha e a Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig assinaram, no dia 25 de maio, um acordo para execução de obras de melhoria da iluminação pública no município.

O acordo prevê a substituição de 4.822 conjuntos de iluminação pública por braços, lâmpadas e luminárias mais eficientes, dotadas de lâmpadas de vapor de sódio, mediante investimentos custeados integralmente pelo município, no valor de R$ 2,9 milhões, correspondendo melhorias de um terço da iluminação de toda cidade.

Segundo o Prefeito Antônio Silva, este investimento vai proporcionar uma melhoria substancial na qualidade da iluminação pública, além de contribuir efetivamente para a preservação do meio ambiente.  “Varginha possui, atualmente, cerca de 2.800 lâmpadas a vapor de mercúrio. Todas estas lâmpadas serão substituídas por lâmpadas a vapor de sódio, que são menos prejudiciais ao meio ambiente e permitem uma iluminação melhor com menor gasto de energia. Isto representa, em média, uma redução de 25% na potência instalada, ao mesmo tempo em que garante uma luminosidade 69% maior”. – afirma.

Com a substituição destes equipamentos, os moradores de Varginha terão benefícios como aumento do fluxo luminoso e melhoria da qualidade da iluminação pública e, consequentemente, permitindo a redução de acidentes de trânsito e diminuição da criminalidade no período noturno, auxílio no tráfego de veículos e embelezamento noturno, valorizando fachadas de prédios e logradouros importantes para o município.

Para o Secretário de Indústria e Comércio, Pedro Gazzola, a modernização da iluminação pública da cidade também contribui para o desenvolvimento econômico do município. “Os investidores buscam cidades que ofereçam qualidade de vida e segurança para seus empregados e seus empreendimentos, e uma cidade bem iluminada certamente é mais competitiva aos olhos destes investidores.”

Os serviços terão início no 2º semestre e serão priorizados os bairros: Centenário I, II, II, Bela Vista, Bom Pastor, Boa Vista, Vila Mendes ,entre outros, além das principais vias urbanas.