Duas abordagens para você ser o líder do seu sucesso:

1.Mantenha-se atualizado para não ser ultrapassado.
A cada segundo a economia global se expande, dinamiza, evolui. O mundo que aí está se amplia, desenvolve, enriquece – e você, junto, pois faz parte dele.
Nesse grande barco, que é a esfera terrestre, você deve ajustar as velas em consonância com os ventos afim de alcançar o porto-seguro do saber. Para isso, atualize-se. Mídias escritas, faladas, televisadas estão, em tempo real, jorrando informações on-line ininterruptamente, a baixo custo, com alta qualidade. E você, que vive no mar da modernidade, deve velejar na crista da onda. Manter-se interconectado com a rede mundial para burilar a sabedoria é agregar cultura, captar novas técnicas e procedimentos.
Atualizar-se, hoje em dia, é questão de sobrevivência. E melhor ainda, com polpudos ganhos, radiante e feliz. Você é o propulsor dessa felicidade. Então, não hesite. Olhe à volta e veja quantas pessoas começaram antes e hoje estão à sua frente.
O mercado de trabalho é rigoroso e não perdoa. Ou você está inserido no contexto ou fica para trás. Tenha em mente que profissional desatualizado é profissional desqualificado.
Transforme seus dias, dê um “up grade” na sua formação, atualize-se, aperfeiçoe sua técnica!
Ler e estudar é para a mente o que o alimento é para o corpo: vital. Saber o que não sabe, reciclar o sabido, aprender novos saberes... É o mundo ditando o que o mundo quer de você: tecnologia, conhecimento. Consequentemente, não atualizar-se é velejar à deriva num oceano turbulento de competidores, arriscando-se a ser ultrapassado pelas lanchas velozes dos vitoriosos...

Mantenha-se atualizado, competitivo. Novas tecnologias, novos maquinários, novos serviços. Aquele que se atualiza amplia seu raio de ação, lê nas entrelinhas, vislumbra oportunidades, enxerga o sucesso!

2.Inventividade: que novidades você tem mente?
Pare por um minuto. Concentre-se nesse texto. A garantia de dias sossegados, de “paz, sombra e água fresca”, pode não estar no hoje, mas no amanhã. O presente é de trabalho, o futuro de bonança.
A massa populacional cresce, diversifica hábitos e costumes, enriquece. Com isso, novas necessidades são incorporadas à vida humana. Nessa perspectiva cria-se uma lacuna abissal entre produção e consumo de bens e serviços. Ao comparar as neo-necessidades humanas imediatas, e o que existe disponível para satisfazê-las, é aí que está o ouro em estado puro. Muito foi inventado, muito há por inventar. É uma conta que não fecha. Quando se pensa que já inventaram tudo, vemos novas coisas surgirem, qual um passe de mágica, e aí refletimos “por que eu não pensei nisso antes?”...
Em termos de inventividade, há coisas que são trampolins para a produção e comercialização de outras coisas. Por exemplo, inventar um bem que, ao ser usado possa ter incorporado uma série de outros pequenos bens. Essa é uma tese do economista Jean Baptiste Say: “a oferta de um produto cria demanda por outros produtos”. Assim, compra-se um carro e logo compra-se rodas especiais, som, DVD, e uma séria de itens adicionais.
Creia, “zilhões” de reais podem transitar velozmente nessa via de infinitas mãos, ampla e larga em direção ao futuro. Sim, há muitas invenções que podem sair do seu crânio e aterrissar nas linhas produtivas das indústrias, remunerando-o exemplarmente. Você já avaliou isso? Então, para que perder tempo?
Quantas conquistas podem-se amealhar, sejam no campo esportivo, artístico, empresarial, etc, com uma boa dose de inventividade! Liderar o sucesso começa-se do começo. Vamos lá, mantenha a mente “pensante”, em busca do novo, do inédito.

Pode caber na mão, ou não caber no olhar; pode ser simples, ou sofisticado; pode ter preço ínfimo, ou alto valor agregado: não importa, para tudo que há oferta há demanda, é a “mão invisível da economia*” a ligar os dois vértices. Vamos, seja o próximo a ter seu nome inserido na lista do  Instituto de Marcas e Patentes. E por que não? *Adam Smith


Inácio Dantas
Do livro ebook “Você, líder do seu sucesso!” – www.amazon.com.br