Fhomuv presta contas do Hospital Bom Pastor

Desde que assumiu a administração do Hospital Bom Pastor, em janeiro de 2013, a direção da Fundação Hospital de Varginha vem trabalhando diuturnamente para garantir a qualidade do atendimento aos pacientes do SUS, que representam 100% de sua clientela.

“Encontramos um hispo tal com serias problemas, mas  graças ao nosso trabalho e dedicação estamos conseguindo solucionar um a um. Das dívidas que encontramos em janeiro de 2013, foram escalonadas e estão rigorosamente em dia. Não deixamos faltar medicamentos e nem condições de trabalho para os nossos colaboradores, pois, desde aquela data estamos consertando as 600 inconformidades encontradas, gradativa e concomitantemente, considerando que nem sempre temos como elegermos prioridades no sistema operacional de um hospital, porquanto a rotina dos procedimentos se complementarem”, justificou o presidente da Fhomuv, Luiz Fernando Alfredo.

Luiz Fernando explica que com recursos de convênios e verbas próprias oriundas das reduções de custos, conseguiu-se adotar um gerenciamento profissional, respeitando os preceitos que norteiam a coisa pública e os regulamentos do SUS. “Tanto que fomos inspecionados pela Vigilância Sanitária e até pela Controladoria Geral da União - CGU, cujas conclusões destas Entidades foram objetos de elogios a favor da FHOMUV”.

Principais realizações para melhoria do hospital

De janeiro de 2013 até a presente data foram realizadas importantes melhorias no Hospital Bom Pastor, dentre elas as reformas do Posto D e da farmácia/almoxarifado, a construção do depósito de resíduo, ampliação da lavanderia, instalação do tomógrafo, aquisição de equipamentos para laboratório, troca das luminárias (econômicas), instalações de dois fornos na UAN (COZINHA), compra de equipamentos para o Centro Cirúrgico, endoscopia, colonoscopia, ortopedia, maca de transporte, sedação odontológica, duas câmeras de Videolaparoscopia novas - R$ 42.000,00 cada uma, lembrando que uma foi  roubada e a polícia continua apurando o caso.

Encontra-se em processo de licitações a troca de 535 janelas, pintura externa, veículo do PAD, reforma da UAN. Bem como a reforma geral do Pronto Atendimento e a aquisição de equipamentos, e a reforma do Centro de Oncologia.

Taxa de Ocupação

De acordo com o presidente da Fhomuv, hoje a taxa de ocupação de internações do hospital é de 80%, isso porque vários pacientes oncológicos e vascular necessitam de isolamento, cada um internado ocupa um quarto que as vezes tem até 03 leitos que ficam vazios. “Mas estamos buscando junto a Secretaria Municipal de Saúde alternativa para melhorar esse quadro”.

Aumento da Demanda

Em que pese os atendimentos/mês do PA tenham sido reduzido em 47%, limitando-se ao atendimento de trauma, o movimento geral do hospital aumentou em 10,3 %, o que significa um crescimento geral de 2.587 atendimentos por mês nas nossas atividades, motivo de comemoração junto aos  colaboradores, médicos servidores em geral, embora a intenção seja melhorar cada vez mais durante o nosso mandato.  Hoje o movimento diário de usuários na FHOMUV gira em torno de  1.000 pessoas, sem contar as centenas de acompanhantes e pessoal de apoio oriundos das l74 cidades que aportam nas imediações e dependências da Entidade.

Redução na Fila de Espera na Oncologia

Uma das grandes conquistas do Hospital Bom Pastor foi a redução do tempo na fila da Oncologia, ou seja,  60 dias para inicio do tratamento, sendo que a quimioterapia foi reduzida para 30 dias. Para isso foi adotado horário extraordinário - noite, madrugada, sábados e até feriados.

Produção do ano de 2013 até Julho de 2014