Vigilância ambiental e combate à dengue orientam sobre Aédes Aegypti

A dengue pode ser transmitida por duas espécies de mosquitos (Aédes aegypti e Aédes albopictus), que picam durante o dia e a noite, ao contrário do mosquito comum, que pica durante a noite. Os transmissores de dengue, principalmente o Aédes aegypti, proliferam-se dentro ou nas proximidades de habitações (casas, apartamentos, hotéis), em recipientes onde se acumula água limpa (vasos de plantas, pneus velhos, cisternas etc.).

O Aedes aegypti

O Mosquito Aedes aegypti mede menos de um centímetro, tem aparência inofensiva, cor café ou preta e listras brancas no corpo e nas pernas. Costuma picar nas primeiras horas da manhã e nas últimas da tarde, evitando o sol forte, mas, mesmo nas horas quentes, ele pode atacar à sombra, dentro ou fora de casa. Há suspeitas de que alguns ataquem também durante a noite. O indivíduo não percebe a picada, pois no momento não dói e nem coça.

Modo de Transmissão

A fêmea pica a pessoa infectada, mantém o vírus na saliva e o retransmite.
A transmissão ocorre pelo ciclo homem-Aedes aegypti-homem. Após a ingestão de sangue infectado pelo inseto fêmea, transcorre na fêmea um período de incubação. Após esse período, o mosquito torna-se apto a transmitir o vírus e assim permanece durante toda a vida. Não há transmissão pelo contato de um doente ou suas secreções com uma pessoa sadia, nem fontes de água ou alimento. O mosquito Aedes aegypti também pode transmitir a Febre Amarela.

Combater os focos do mosquito transmissor, 
é a única maneira de prevenir a DENGUE!

Com este objetivo, o Setor de Combate à Dengue e a Vigilância Ambiental estarão realizando nesta quarta-feira, 24 de setembro, em um grande Mutirão de Limpeza no bairro Santa Maria, das 7h30 até às 13h, contando com o trabalho de seus Agentes de Combate à Endemias e o apoio da Secretaria de Obras através da Limpeza Urbana, Secretaria de Agricultura e Secretaria de Meio-Ambiente.

Os organizadores do Mutirão solicitam aos moradores do bairro Santa Maria que retirem de suas casas, deixando nas calçadas,  com exceção dos entulhos de construção e podas de árvores, todos os materiais inservíveis, como móveis velhos, pneus, objetos que detém água, dentre outros, que serão recolhidos pelo Mutirão de Combate à Dengue!

Lembre-se

A identificação precoce dos casos de dengue e o combate aos focos do mosquito transmissor são de importância fundamental para o controle das epidemias e para a prevenção da dengue!