Adiada implantação do Samu Regional para janeiro de 2015

O consórcio responsável pela implantação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Varginha, que irá atender ao todo 153 cidades do Sul de Minas, anunciou nesta quinta-feira (4) que não vai começar a funcionar este ano, como previsto anteriormente. Segundo a Secretaria Executiva do Samu Regional, a inauguração do serviço foi adiada para janeiro de 2015 porque, mais uma vez, o quadro de médicos socorristas não está completo. Um novo edital com alteração do salário para a categoria será publicado este mês para preenchimento das vagas.

O secretário executivo do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Macro Região do Sul de Minas (Cissul), João Gualberto Rezende Junior, disse que o salário para os médicos definido no último edital, de R$ 5 mil, não atraiu os profissionais da área. Segundo ele, um novo edital para contratação de médicos será publicado nesta quinta-feira (4) no Diário Oficial do Estado para que as 66 vagas restantes sejam preenchidas.

"O edital vai ser publicado no Diário Oficial de Minas, onde o salário de médico vai ser de um valor maior, de R$ 7 mil, e aí esperamos que a gente consiga trabalhar com novos médicos que vão participar desse processo seletivo", afirmou. O novo prazo para início do funcionamento do Samu no Sul de Minas ficou para janeiro de 2015.

O secretário executivo do Samu disse ainda que as inscrições para essa nova contratação poderão ser feitas entre os dias 16 e 23 de dezembro. Elas poderão ser feitas pela internet, no site do Cissul. Ele disse ainda que se algum outro profissional que já passou no concurso desistir por causa desse atraso na inauguração, a vaga será preenchida por candidatos que estão na lista de espera. O novo salário dos médicos, segundo o secretário, virá do governo do estado.

Instalações

Todos os recursos materiais do Samu Sul de Minas, como as 42 ambulâncias, a central de atendimento que receberá as ligações de toda a região e as 10 bases microrregionais já estão prontas, faltando apenas que o quadro de profissionais médicos esteja completo para iniciar o funcionamento do serviço. No concurso realizado em novembro de 2013, foram aprovadas 600 pessoas para trabalhar no Samu.

A data de início do Samu havia sido marcada durante uma assembleia em agosto de 2014, quando ficou definido que o serviço começaria no dia 1º de outubro. Após isso, houve ainda dois adiamentos no prazo até dezembro deste ano, e agora, uma nova data ficou definida para janeiro de 2015.

A implantação do serviço começou a ser cogitada na região em 2010, quando 15 ambulâncias do Samu chegaram a Varginha. Os veículos ficaram três anos parados, totalmente inutilizados. Já as obras da sede regional do Samu começaram em outubro do ano passado.