Segunda parte do Mutirão da Dengue no Sion será nessa quarta-feira, 11/02

Os setores de zoonoses, combate à dengue e vigilância ambiental da Secretaria de Saúde, contando com a colaboração das Secretarias de Obras através do setor de limpeza urbana, Agricultura e Meio-Ambiente e o PSF – Programa de Saúde da Família, realizarão nesta quarta-feira, 11/02 , a partir das 7h30, a segunda etapa do Mutirão da Limpeza no bairro Sion.

A primeira etapa, que marcou a retomada do arrastão (mutirão de limpeza), de 2015 aconteceu na semana passada no bairro, onde foram encontrados muitos focos do mosquito aedes aegypti, segundo o levantamento realizado no mês de janeiro pelas equipes de combate à endemias. Além do registro de focos do mosquito transmissor da dengue e do chinkungunya, o Sion apresentou também um grande número de casos de escorpiões.

Nesta quarta-feira, o Denguito, mascote do programa, percorrerá  percorrer as seguintes ruas:

Domingos Brito Braga, Poços de Caldas, Carmo da Cachoeira, Monsenhor Paulo, Sete Lagoas, Conceição do Rio Verde, Baependi, Teófilo Ottoni, São João Del Rei, Serro, Frederico Ozonam, Travessas Alvorada e São José, Ruas São José, Maria, Alaíde Ribeiro, Andrelândia Bruno, Caxambu, Lambari, Jonas R. Rezende (até Av. Dr. José Justiniano dos Reis), Alaor B. Nogueira (até Av. Dr. José Justiniano dos Reis), Amaro S. Lemos (até Av. Dr. José Justiniano dos Reis), Poeta Edgar de Brito, Professor Ramos César, Miguel Apreline, Estevam Bíscaro (até Av. Dr. José Justiniano dos Reis), Antônio Plácido de Barros (até av. Dr. José Justiniano dos Reis),(até av. Dr. José Justiniano dos Reis), Humberto Conde (até Av. Dr. José Justiniano dos Reis), Ponciano Pinto (até Av. D  r. José Justiniano dos Reis), José N. Tavares (até a esquina com a rua Francisco S. Tavares).

O Mutirão será realizado das 7h30 às 13h, porém seus organizadores pedem  aos moradores do bairro Sion, das ruas à serem percorridas, que retirarem de suas casas, deixando nas calçadas, no período das 7h30 às 8h30 horas, todos os materiais inservíveis, como móveis velhos, latas, vidros, metais, pneus, objetos que detém água, dentre outros, porque os caminhões só percorrem as ruas uma única vez.  Mas atenção: não serão recolhidos galhos de árvores, terra e entulhos de construção!

Armazenamento de água

Nesta época de chuvas, lembramos também sobre os cuidados que devem ser tomados com relação ao armazenamento de água captada das chuvas. É  importante que sejam devidamente tampados ou cobertos com telas bem finas e que se coloque cloro nestes recipientes. Todo cuidado é pouco, pois estas águas estão se tornando grandes focos do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue e do chikungunya.

Ajude-nos a combater os focos de dengue em Varginha! Denuncie  pelo 3690-2230 ou pelo  denguedenuncias@varginha.mg.gov.br