Deputados apresentam Estatuto da Família e abrem espaço para participação da população


A Câmara Municipal de Varginha recebeu, na tarde de ontem (4), as presenças dos deputados federais Diego Garcia e Eros Biondini. Atendendo a um pedido do vereador Dr. Armando Fortunato, os deputados vieram apresentar o Projeto de Lei nº 6583/2013, que dispõe sobre o Estatuto da Família e está sendo apreciado na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Também compareceu à reunião, o deputado estadual Dilzon Melo, que contribuiu para a discussão em nível estadual. Além do vereador Dr. Armando Fortunato, estiveram presentes o presidente da Câmara de Varginha, vereador Rômulo Azevedo Ribeiro, o vice-presidente, vereador Pastor Fausto S. França, os vereadores Dr. Adilson Rosa, Joãozinho Enfermeiro, Jorge Direne Ribeiro, Leonardo Ciacci, Reginaldo Tristão, Rogério Bueno e Zacarias Piva.

A sociedade civil esteve representada por líderes religiosos, presidentes de associações, conselhos e entidades de classe. Os presentes puderam acompanhar as opiniões dos políticos sobre o referido projeto, principalmente dos deputados federais que fazem parte da Comissão Especial destinada a proferir parecer sobre o projeto. “Escolhemos Varginha para sediar este encontro por ser uma cidade polo na região. Estenderemos isso a demais regiões do país para podermos fazer um amplo debate sobre o assunto, mas Minas Gerais é o primeiro estado que visitamos para promover essa discussão e percebo que escolhemos bem, pois hoje, aqui na Câmara de Varginha, estamos percebendo o interesse de vocês e acreditamos que a colaboração que poderão dar será de muita qualidade”, avaliou o deputado Eros Biondini.

O deputado Diego Garcia será o relator do projeto e disse que esse contato com a população poderá ajudar a elaborar emendas que surgirão das colaborações feitas nos debates. “A cidade de Varginha poderá colaborar na elaboração desse Projeto de Lei. Precisamos que todos participem, pois o objetivo principal dessa iniciativa é assegurar os direitos da família e promover ações de proteção à família e acreditamos que todos terão interesse em colaborar, pois todos nós que estamos aqui hoje viemos de um núcleo familiar e protege-lo deve ser nossa missão também”, explicou o deputado.

O presidente da Câmara, vereador Rômulo Azevedo Ribeiro em conjunto com o propositor da reunião, Dr. Armando Fortunato, propuseram a ampliação do debate, mesmo depois de encerrada a reunião. “Nós deixaremos os canais de comunicação da Câmara: facebook, email, telefone e até mesmo pessoalmente aqui na sede do Legislativo, abertos para a manifestação popular. Todas as colaborações feitas serão encaminhadas ao deputado Diego e avaliadas para poder constar no Projeto”, disse Rômulo.

“Precisamos ampliar essa discussão. Oportunizar mais participações, principalmente porque percebemos aqui que nossa opinião faz a diferença para os deputados. Reforço as palavras do presidente Rômulo, colocando a Câmara à disposição de quem tiver interesse em colaborar”, disse o vereador Dr. Armando.