Prefeitura realiza corte em Árvore na Praça D. Pedro II que colocava em risco vidas


O corte aconteceu depois que um morador daquela localidade, ao fazer sua caminhada rotineira na Praça Dom Pedro Segundo, mais conhecida como Jardim do Sapo, centro da cidade, verificou uma rachadura no caule da árvore, inclusive que suas raízes estavam se soltando do solo.

Ele imediatamente acionou a Guarda Civil Municipal, que compareceu ao local e constatou a veracidade dos fatos, sendo tudo registrado através do BOS nº 2007, pelo Guarda Civil Municipal Ambiental, Carlos Roberto Bernardes, que constatou a urgência do corte da árvore que oferecida risco de cair.

De posse da informação, o Secretário de Meio Ambiente, Joadylson Ferreira, solicitou que sua equipe de Poda e Corte de Árvores, formada por profissionais experientes, que procedessem ao corte da árvore sem nenhum prejuízo ao patrimônio público da praça, e muito menos as pessoas que ai residem, estudam ou passam.

O Secretário ressaltou a existência nas proximidades da Praça D. Pedro II, de v uma escola infantil, que foi avisada para que não houvesse nenhum trânsito de alunos enquanto não terminasse a operação do corte da árvore.

“Informamos que a operação foi um sucesso e que estamos trabalhando no recolhimento dos galhos, com os devidos cuidados”, destacou Joadylson.