Programa Nacional de Controle do Tabagismo

Prefeitura de Varginha inicia campanha 
com servidores municipais no combate ao fumo


O tabaco, consumido pela humanidade há milhares de anos, antigamente era considerado símbolo de status social. Com o aumento progressivo do seu consumo, tornou-se um grande problema para os sistemas nacionais de saúde devido desenvolvimento de diversas doenças que vêm aumentando progressivamente, gerando enormes custos sociais e econômicos.

O Tabagismo é a primeira causa de morte evitável no mundo (5,4 milhões de mortes). As estatísticas são alarmantes, conforme dados do INCA estima--se que ocorreram em 2011 147.072 óbitos vinculados ao tabagismo; representando 332,69 milhões anos de vida perdidos; sendo 157.126 infartos agudos do miocárdio; 75.663 acidentes vasculares cerebrais, 63.753 diagnósticos de câncer.

O Tabagismo causa mais de 400 óbitos por dia, que correspondem a 14,7% do total de mortes ocorridas no Brasil. E quem convive com pessoas tabagistas(fumantes passivos) também podem ser gravemente afetados por este hábito, pois o tabagismo passivo, que é a terceira causa de morte evitável no mundo, representando aproximadamente 600.000 mortes.

Por estas razões, através de uma parceria entre INCA e o Ministério da Saúde, instituiu-se no país o Programa Nacional de Controle do Tabagismo, que visa oferecer o apoio necessário para quem quer parar de fumar.

Em Varginha o programa encontra-se em expansão, estando ativo em seis Unidades Básicas de Saúde: UBS Dr. João Eugênio do Prado, UBS Dr. José Justiniano dos Reis, Dr. Carlos Costa Brito,UBS Dr. Vivaldo Garcia,ESF Pinheiros e ESF Padre Vitor.

Para os servidores públicos que desejam parar de fumar em 2017, o setor de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com no Centro de Atenção Psico-Social (CAPS ad) e SESMT, está elaborando uma proposta para acolher esta demanda. A fim de Capacitar todas as Unidades de Saúde do Município foi criado uma comissão multiprofissional composta por dois Enfermeiras, um médico, um Psicóloga e um nutricionista, que realizaram no dia 22/12 a capacitação para as demais Unidades Básicas de Saúde.

As pessoas que ainda não se inscreveram e desejam parar de fumar em 2017, devem entrar em contato com a Unidade Básica de Saúde em que estão cadastradas para deixarem seus nomes e entrar no próximo grupo a ser criado.