Câmara de Varginha aprova sistema que democratiza e torna dinâmico o trabalho dos vereadores


A Câmara de Vereadores de Varginha realizou nesta quarta-feira (1) a primeira reunião ordinária da Legislatura 2017/2020 e uma das novidades para o atual mandato foi apresentada e aprovada pela unanimidade dos vereadores.

A Mesa Diretora apresentou um projeto de resolução que tem como objetivo democratizar e tornar mais dinâmico o sistema de reservas das proposições e Projetos de Lei apresentados pelos vereadores de Varginha.

Anteriormente, os vereadores podiam reservar quantas proposições e Projetos achassem necessários, para apresentar no momento que julgassem oportuno. Havia reservas que ficavam durante um ano no sistema, mas não eram apresentadas. Assim, o outro vereador que tivesse intenção de trabalhar aquele mesmo assunto, não poderia, pois ele já estava reservado para quem acessou o sistema primeiro.

Agora, só podem ser feitas reservas para uma semana. O sistema abre na quinta-feira de manhã e encerra o prazo para inclusão do assunto que o vereador quer tratar na reunião, na terça-feira. As proposições e projetos são apresentados na quarta-feira.

O presidente da Câmara, vereador Zacarias Piva, acredita que com essa mudança o trabalho será mais dinâmico e justo. “Tivemos uma renovação grande na Câmara

 e temos muitos vereadores de primeiro mandato. Por isso, seria injusto que os vereadores que já têm experiência pudessem trazer suas propostas de outras legislaturas e já sair na frente. Da forma que fizemos, eu acredito que vamos manter a igualdade, a celeridade no trabalho e maior transparência. Também vamos conseguir representar melhor a população, pois não teremos assuntos travados na Câmara à espera do vereador para apresentar”, explicou o presidente Zacarias Piva.

Os vereadores aprovaram por unanimidade o projeto e tanto os reeleitos quanto os novatos elogiaram o Projeto de Resolução de autoria da Mesa Diretora da Câmara de Varginha.