Centro de Convivência de Idoso de Varginha será modelo em Minas Gerais


O CCI que acolhe presentemente pessoas da terceira idade que desenvolvem atividades artesanais e lúdicas, de acordo com as novas diretrizes de trabalho da SEHAD e o CCI - Centro de Convivência de Idoso de Varginha passará a ter atividades fisioterápicas e de produção inclusiva nos setores do artesanato, da gastronomia e da agricultura orgânica.

Para tanto um agrônomo aposentado, voluntário social, proporcionará aulas e oficinas práticas para produção de hortaliças e legumes orgânicos, aproveitando uma imensa área existente em terreno localizado no entorno do imóvel onde funciona o CCI.

A casa, situada no lote final deste terreno será totalmente restaurada e nela será instalada um núcleo de gastronomia típica e regional para a produção de doces, produtos artesanais derivados do milho e do café.

A fisioterapeuta coordenadora da unidade proporcionará um conjunto de atividades físicas e apropriadas às pessoas da terceira idade, visando mantê-las ágeis e dinâmicas.

Cinquenta por cento da produção do CCI será utilizada para consumo dos idosos e suas famílias e outros 50% será comercializada para gerar renda para os próprios beneficiários e para a manutenção dos serviços desenvolvidos na unidade.

A horta orgânica instalada no CCI será um dos pontos altos e relevantes do trabalho a ser desenvolvido no resgate da cidadania e na inclusão social e econômica dos idosos acolhidos no CCI.

O Secretário da SEHAD, Francisco Graça de Moura já mobilizou e conseguiu os recursos para o empreendimento através de parcerias com empresas privadas e instituições da cooperação social.